IPVA Atrasado – O que fazer?

O IPVA – Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores é uma taxa cobrada anualmente dos proprietários de veículos registrados no Estado de São Paulo.

A cobrança é feita de acordo com o fim da placa de cada automóvel e pode ser paga com desconto e de forma parcelada até a data do vencimento, mas caso o indivíduo não tenha tido condições de pagar ou tenha perdido o prazo, é importante se informar sobre como proceder, afinal, estou com o IPVA atrasado – o que fazer?

ipva atrasado

Quais as datas de vencimento do IPVA?

A Secretaria da Fazenda do Estado de São Paulo possui em seu site uma tabela com as datas de vencimento do IPVA dos veículos dos municípios registrados de acordo com o final da placa de cada um.

O imposto pode ser parcelado em até 3 vezes nos meses de Janeiro, Fevereiro e Março, as datas vão do dia 9 de Janeiro à 20 do mesmo mês, para os meses referentes as outras parcelas, o mesmo acontece. As parcelas devem ser pagas no mesmo dia do mês subsequente ao pagamento da primeira parcela.

Atrasei o IPVA, o meu carro pode ser apreendido?

Uma decisão recente do STF – Supremo Tribunal Federal, proíbe a apreensão de veículos com o IPVA atrasado, ou seja, caso o condutor seja parado em uma blitz, os policiais não estão autorizados a rebocarem ou apreenderem o veículo em hipótese alguma.

O ideal é manter todos os impostos pagos e em dia, mas no caso de se deparar com uma situação similar, é importante que esteja informado sobre os seus direitos e como exercê-los perante às autoridades de seu Estado.

Como pago o meu IPVA atrasado?

Como qualquer imposto, o atraso gera um montante de juros diários e em alguns estados, no caso do IPVA, além dos valores adicionados diariamente, os juros podem alcançar a marca de 1% ao mês.

Para quitar a dívida, o indivíduo deve acessar o site do Detran ou da Secretaria da Fazenda do estado em que o seu veículo está registrado para requisitar uma nova guia de recolhimento, GRD. Tal guia, possui, além do IPVA, outras taxas relacionadas ao licenciamento do carro ou moto, como o seguro DPVAT.

Outra opção é o contribuinte comparecer a um dos postos do Detran ou da Secretaria da Fazenda para retirar a guia pessoalmente e pagar o montante total. Dessa forma, quitará a sua dívida junto ao governo e poderá transitar tranquilamente com o seu veículo, sem o risco de multas.

Posso parcelar o meu IPVA atrasado?

O parcelamento só é possível para os indivíduos que pagaram o imposto na data correta referente à sua placa, ou seja, caso o seu IPVA esteja atrasado não há a opção de parcelamento, sendo assim, o valor total deverá ser pago em uma única parcela, juntamente com os juros impostos devido ao atraso.

Caso deseje parcelar, mais juros serão impostos sobre a dívida e as condições de parcelamento serão limitadas e deverão ser negociadas no momento da retirada da guia de quitação.

Não deixe de pagar o imposto na data correta, caso haja algum contratempo siga esses passos e tente resolver o problema o mais rápido possível.